Diário de uma Ninfomana.


Um filme com uma história intrigante... Sim o apelo sexual é fortíssimo, mas a história te prende pelas coisas que acontecem na vida da protagonista!
Eu definitivamente achei expecional, meia hora após o término do filme, eu ainda estava chorando! História de vida!


AGORA FORA DO FILME...

Minha incostancia estava latente hoje... Acordei péssima... TPM gritando...
Saudades, faltas... vazio.
Mas, forte são as palavras de quem amor apenas sente, sem nenhum motivo igual encontrar para desabafar o nó dos nós.
Entendi, compreendi, fui compreendida, e fiz se compreenderem...
Quantas milhares de formas de amar existem no mundo, tolo e ignorante aquele que pensa que só pode amar uma pessoa de cada vez, o amor é ilimitado e não cobra excesso de peso!

Explicita minha felicidade ao sentir o meu coração pulsar, sentir, e amar!
Descobrir que o envolvimento vai além daquele sugerido pelo destino, é despertar a sensibilidade para, o viver intensamente, e viver assim nada mais é que estar vivo!
Para que trancar um coração palpitante se tudo que ele deseja, é desejar, é explodir, e ja que citei os nós, podemos tbm citar um trecho musical: QUE SE DANEM OS NÓS!!!

Não viveremos de vazio completos, quero completar o vazio, mesmo percebendo que as vezes não sou a mais importante, mas tenho tato, tenho faro, tenho sensibilidade suficiente para entender que, o amor é polivalente, ah... o meu é!

O meu amor é uma octagonal, que sai de uma octagonal, e de mais uma octagonal, sem fim, sem medida, sem sexo... hummmmm e cheio de sexo! Sexualidade da alma, da boca quente e embriagante na nuca nua e ofegante.

O resumo da obra do dia... eu sou o amor, amando, amada, amar, amar e amar...

1 Comment:

  1. halline said...
    [...] Amo!

Post a Comment



Template by:
Free Blog Templates